Com Cristo
                                                   .....ajuda para crescer na vida cristã

 


Início    l

A Vida Familiar    l

Como é que posso crescer?     l

Sexualidade    l

   Perguntas Frequentes    l

Contacte-nos


 

Ansiedade

 

'Lancem sobre ele toda a sua ansiedade, porque ele tem cuidado de vocês.' (1 Pedro 5.7).

Oração é o primeiro passo para lançar todas as suas ansiedades sobre Cristo. O Apostolo Paulo disse: “Não andeis ansiosos por coisa alguma; antes em tudo sejam os vossos pedidos conhecidos diante de Deus pela oração e súplica com acções de graças” (Filipenses 4.6).

Peça a Deus para o guiar através desta oração:

Querido Pai Celestial,

Venho a Ti como o teu filho comprado pelo sangue do Senhor Jesus Cristo. Declaro a minha dependência de Ti, e reconheço a minha necessidade de Ti. Sei que sem Ti nada posso fazer. Tu sabes os pensamentos e as intenções do meu coração e Tu conheces a situação em que eu estou do princípio ate o fim. Sinto que estou instável, eu preciso da Tua paz para guardar o meu coração e a minha mente.  Humilho-me perante de Ti e confio em Ti para me exaltar no tempo certo e na maneira que Tu escolhes.  Confio em Ti para suprir todas as minhas necessidades segundo as riquezas da tua glória e para me guiar em toda a verdade. Peço a Tua orientação divina para que possa cumprir a Sua chamada para viver uma vida responsável pela fé no poder do Seu Espírito Santo. “Sonda-me, ó Deus, e conhece o meu coração; prova-me, e conhece os meus pensamentos ansiosos; vê se há em mim algum caminho perverso doloroso, e guia-me pelo caminho eterno.” (Salmo 139.23,24). No nome precioso de Jesus Cristo. Amem."

 


Resolver quaisquer conflitos espirituais e pessoais.

Um problema exprimido é meio resolvido. No caso de ansiedade, muitas vezes as pessoas estão confusas. É preciso ter uma perspectiva realista sobre a ansiedade – será que na eternidade esta coisa é importante? Geralmente falando, a preocupação afecta as pessoas numa maneira negativa mais do que as consequências daquilo sobre qual estavam preocupados. Muitas pessoas ansiosas encontram alivio através da clarificação do problema e de uma perspectivo realista.

Dividir os factos das suposições

As pessoas podem ter medo dos factos, sem estarem ansiosas. O medo tem um objecto mas estamos ansiosas porque não sabemos o que vai acontecer amanhã e por causa disto fazemos suposições. A tendência da nossa mente é pensar no pior, e quando aceitarmos isto como se fosse a verdade, o nosso estado fica muito ansioso. Quando fazemos suposições erradas sobre o dia de amanhã, sofremos as consequências negativas de stress e ansiedade.

“A ansiedade no coração do homem o abate; mas uma boa palavra o alegre” (Provérbios 12.25).

Por isso, faça o possível para evitar fazer suposições. Determinar aquilo que tem o direito ou a capacidade de controlar Você é responsável somente para aquilo que tem o direito ou a capacidade de controlar. Você não é responsável para aquilo que não tem o direito ou a capacidade de controlar. O seu senso de dignidade está ligado com aquilo para o qual você é responsável. Se não está a viver uma vida responsável, deve sentir ansiedade! Nesse caso, não lance a sua responsabilidade sobre Cristo – Ele vai lança-la outra vez para si!  Mas, deve lançar a sua ansiedade sobre Ele, porque Ele quer satisfazer as suas necessidades se está a viver uma vida responsável e recta.

Listar as coisas que são a sua responsabilidade

Você precisa de tomar a responsabilidade de cumprir a sua chamada e as suas obrigações.  A sua única outra responsabilidade é continuar a orar e focar na verdade escrita em Filipenses 4.6-8

"Não andeis ansiosos por coisa alguma; antes em tudo sejam os vossos pedidos conhecidos diante de Deus pela oração e súplica com acções de graças; e a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os vossos corações e os vossos pensamentos em Cristo Jesus. Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai.”
 

voltar ao Como é que posso crescer?
 


Início

Mapa do site

Links

Quem somos nós?